Confabulando Ilusões

O portal da alma, a voz do coração.

Angústias matinais

em 20/04/2011

O dia começa como qualquer outro: calor, brilho e cheio de sol. Mas algo está mudado. Está diferente. E ela sabe o que é.
Tristeza.

Não que ela não tenha sentido isso antes, mas dessa vez, é diferente. Ela estava feliz, mas agora está triste. E não há nada que se possa fazer a respeito.

Queria estar perto das pessoas que ama, mas não estará. Talvez nem seus pais a queiram.

Ela acorda com o dia e percebe que não é mais do que uma mera mortal. Não tem nada de especial e não torna a vida dos outros tão boa.

Sabe que tem defeitos e só tem ouvido isso. Sabe que tem qualidades, mas quais são? Não sabe ver o que tem de qualidade, só sabe sonhar com o que quer ter.
O dia não está triste, pelo contrário: está alegre.

Mas se continuará, a decisão é só dela: será forte e seguirá como a mulher que é ou continuará escrevendo suas lamentações como se alguém se importasse?

Anúncios

Uma resposta para “Angústias matinais

  1. manocaxano disse:

    em 20 anos de vida, quem nunca se sentiu assim alguma vez? Pessoas solitárias como eu tem tendência maior, mas será que as pessoas que são “cheais de amigos” e “queridinhas do papai e da mamãe” também tem problemas assim?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: